ANÁLISE DE COLORAÇÃO PESSOAL, REALMENTE VALE A PENA | Minha experiência

 

Você já ouviu falar de coloração pessoal? Tem alguns meses que eu fiz a minha coloração pessoal e quero contar para vocês como foi a minha experiência e o que mudou depois que eu fiz a análise de cores. Bom, mas antes de começar, eu vou explicar o que é coloração pessoal: Análise de coloração pessoal, conhecido também como colorimétrica pessoal, é um teste que vai fazer uma análise com tecidos coloridos, e assim, avaliar a temperatura e a saturação da sua pele, você vai descobrir qual o tom da sua pele, o subtom e também encontrar aquelas cores que casam melhor com o seu tom de pele.

Sabe aquele vestido lindo que você viu na loja, mas quando foi experimentar, você achou que a cor te deixou meio pálida, não te favoreceu? Pois então, com a coloração pessoal, com análise de cores, você vai descobrir quais as cores que não te deixam com esse aspecto, ou seja, quais as cores que valorizam a sua tonalidade de pele? Qual a sua temperatura? Quais cores que realçam a sua pele e vai suavizar seus traços?

Nós maquiadores, usamos bastante colorimétrica na maquiagem, principalmente para camuflar manchas com cores diferentes da tonalidade de pele, por conta disso eu já tinha uma noção sobre as cores, eu já tinha um caminho de quais cores me favorecem e quais cores que não casavam muito comigo. Mas eu queria uma especialista, para assim, estudar mais a fundo “as minhas cores” e batermos o martelo em qual cartela/estação eu melhor me encaixaria.

Como Funciona?

Para fazer análise tem que ir sem maquiagem, a sua pele tem que estar limpa e o mais natural possível.  Na hora de iniciar a análise a consultora irá anular qualquer cor que esteja próximo ao seu rosto, então ela coloca alguns panos cinza ao redor do seu rosto, cobrindo o colo e os cabelos. A gente fica divina nessa hora, só que não, rs!

analise de coloraçao pessoal

 Assim que ela coloca esse pano cinza, a consultora vai começar a colocar vários tecidos próximo ao seu rosto e são tecidos de diferentes temperaturas e cores, e aí, começa a análise, com muito cuidado ela vai olhando como que aquela cor reflete no seu rosto, quais tonalidades iluminaram o rosto, suavizam as linhas e manchinhas. E assim meu povo, ela vai olhar todos os detalhes, te encarar mesmo, rs! E ao mesmo tempo a consultora vai mostrando o que ela viu de diferente em cada tonalidade, então você vai acompanhando o raciocínio dela e começa a se olhar com outros olhos, com mais calma e detalhado, olhando com detalhes como cada cor se comporta com o rosto. analise de coloraçao pessoal1
Quando eu cheguei para fazer a minha coloração pessoal e comentei que era maquiadora a Andreza, que foi a consultora que fez a minha análise, já sabia que eu entendia das cores e sabia que eu já tinha o norte de quais cores me favorecem, mas como eu comentei, eu queria alguém especialista que batesse o martelo e principalmente eu queria expandir mais o meu leque de cores.

analise de coloraçao pessoal2

Então assim que eu sentei na cadeira da Andreza, a gente conversou, eu comentei com ela quais cores, tons e subtons eu sabia que me favoreciam e por isso, a gente já conseguiu eliminar algumas opções, porque sim, esse é um trabalho de eliminatória, eu diria, rs!

A partir dessa conversa ela já identificou as possíveis cartelas de cores e começou a análise. É uma hora te encarando, rs! Olhando cada detalhe. Com está análise batemos o martelo nas seguintes informações:

Meu contraste é alto, minha temperatura é fria, meu subtom é frio/neutro, a profundidade é escura e a intensidade das cores que me favorece é brilhante.

Eu vou colocar uma foto aqui abaixo para vocês entenderem um pouquinho melhor de como as cores refletem no nosso rosto. Nessa foto tem um lado que eu estou com cores que não me favorecem, e assim,  realça mais as minhas manchinhas e olheiras, e no outro lado, tem as cores que me favorecem.

analise de coloraçao pessoal4

Com isso, depois de observar bem, chegamos à conclusão que a minha cartela de cores é chamada de inverno brilhante, ou seja, eu fico muito bem com cores mais escuras que puxam para aquele tom frio. Pensa no inverno, quando a gente mentaliza a estação do inverno, quais cores vem na sua cabeça? São cores mais sóbrias, escuras e intensas, como por exemplo o azul marinho, preto… Por isso as cartelas são separadas por estações, pois cada estação do ano a gente remete a cores diferentes, por exemplo: o verão, quais cores vem na sua cabeça? A gente lembra do céu azul clarinho, da água cristalina, do sol brilhando naquele tom de amarelo, não é? Então por isso tem as cartelas: outono, inverno, verão e primavera e dentro dessas opções pode ter a versão brilhante, suave e por aí vai.

analise de coloração pessoal6

 

Uma paisagem de inverno pra vocês entenderem

O que mudou nos meus looks depois que eu fiz a coloração pessoal?

Olha, eu achei que não ia mudar muita coisa, até porque na minha cartela de cores tem a cor preta, que eu amo, basicamente meu guarda-roupa é composto por 80% de roupa preta. Eu sempre me senti muito bem com a roupa preta, porque eu podia brincar bastante com a maquiagem, me divertir com as cores na maquiagem, eu sempre focava na maquiagem.

 Mas depois da coloração eu passei a comprar um pouco mais de peças coloridas, eu ainda compro muita roupa preta, mas eu passei a olhar com outros olhos as outras cores, passei  a me visualizar utilizando aquela cor, não somente na maquiagem, mas sim no meu look.

analise de coloração pessoal 8

O mais engraçado disso tudo, é que, eu já ensinei como fazer harmonias com as cores, tem vídeo sobre esse tema aqui e no canal. Só que até então eu sempre levava essas harmonias e esses estudos das cores para maquiagem, que é o que eu amo, o que eu faço e é meu trabalho, então eu sempre foquei muito na maquiagem, e eu não me olhava com essas cores nas minhas roupas, porque o meu foco sempre foi maquiagem, mas depois da consultoria isso mudou. É como se a consultoria quebrasse as barreiras e assim eu consegui olhar muito além das makes nas minhas produções.

Ah, e um detalhe muito importante, eu passei a usar as cores ao meu favor, por exemplo: tem dias que eu não quero me maquiar, eu quero sair de cara limpa, então eu já vou lá e coloco uma peça de roupa com a cor que me valoriza, e é impressionante como aquele ar de cansado é amenizado. É como se eu colocasse uma maquiagem leve, mas é apenas a cor que reflete bem e me valoriza.

 Mas Nai você não pode usar as cores que não estão na sua cartela?

Isso não tem nada a ver, você usa a cor que você quiser. Se você ama roupa preta e a cor preta não está na sua cartela, não tem problema, mas você vai ter uma consciência maior sobre as cores que mais te favorecem. E caso queira usar uma cor em algum evento especial, você já vai ter um norte da cor e tonalidade que irá realçar ainda mais a sua beleza.

Eu fiz a minha análise de coloração pessoal com Andreza, ela atende aqui em Maringá e em São Paulo. Ela foi extremamente profissional e eu adorei o trabalho dela, e olha, isso daqui não é nenhuma publicidade, ela nem sabe que eu estou fazendo esse post, mas quando a gente gosta do trabalho, quando esse trabalho realmente faz diferença, eu acredito que vale bastante a pena ser compartilhado.

analise de coloração pessoal 7

 

Essa é a minha cartela de cores 🙂

E você aí do outro lado, sabe as cores que mais te favorecem? Já fez análise de coloração pessoal? Me conta tudo aqui nos comentários. Um grande beijo, Naiady Souza.

Está gostando? Compartilhe...

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimos Posts