Além da Maquilagem
ANÁLISE DE COLORAÇÃO PESSOAL, VALE A PENA?
Click Here
Casa
COMO FAZER AROMATIZADOR DE AMBIENTES
Click Here
Além da maquiagem
BEM VINDO AO MEU VELHO NOVO BLOG
Click Here
Previous
Next

ANÁLISE DE COLORAÇÃO PESSOAL, REALMENTE VALE A PENA | Minha experiência

 

Você já ouviu falar de coloração pessoal? Tem alguns meses que eu fiz a minha coloração pessoal e quero contar para vocês como foi a minha experiência e o que mudou depois que eu fiz a análise de cores. Bom, mas antes de começar, eu vou explicar o que é coloração pessoal: Análise de coloração pessoal, conhecido também como colorimétrica pessoal, é um teste que vai fazer uma análise com tecidos coloridos, e assim, avaliar a temperatura e a saturação da sua pele, você vai descobrir qual o tom da sua pele, o subtom e também encontrar aquelas cores que casam melhor com o seu tom de pele.

Sabe aquele vestido lindo que você viu na loja, mas quando foi experimentar, você achou que a cor te deixou meio pálida, não te favoreceu? Pois então, com a coloração pessoal, com análise de cores, você vai descobrir quais as cores que não te deixam com esse aspecto, ou seja, quais as cores que valorizam a sua tonalidade de pele? Qual a sua temperatura? Quais cores que realçam a sua pele e vai suavizar seus traços?

Nós maquiadores, usamos bastante colorimétrica na maquiagem, principalmente para camuflar manchas com cores diferentes da tonalidade de pele, por conta disso eu já tinha uma noção sobre as cores, eu já tinha um caminho de quais cores me favorecem e quais cores que não casavam muito comigo. Mas eu queria uma especialista, para assim, estudar mais a fundo “as minhas cores” e batermos o martelo em qual cartela/estação eu melhor me encaixaria.

Como Funciona?

Para fazer análise tem que ir sem maquiagem, a sua pele tem que estar limpa e o mais natural possível.  Na hora de iniciar a análise a consultora irá anular qualquer cor que esteja próximo ao seu rosto, então ela coloca alguns panos cinza ao redor do seu rosto, cobrindo o colo e os cabelos. A gente fica divina nessa hora, só que não, rs!

analise de coloraçao pessoal

 Assim que ela coloca esse pano cinza, a consultora vai começar a colocar vários tecidos próximo ao seu rosto e são tecidos de diferentes temperaturas e cores, e aí, começa a análise, com muito cuidado ela vai olhando como que aquela cor reflete no seu rosto, quais tonalidades iluminaram o rosto, suavizam as linhas e manchinhas. E assim meu povo, ela vai olhar todos os detalhes, te encarar mesmo, rs! E ao mesmo tempo a consultora vai mostrando o que ela viu de diferente em cada tonalidade, então você vai acompanhando o raciocínio dela e começa a se olhar com outros olhos, com mais calma e detalhado, olhando com detalhes como cada cor se comporta com o rosto. analise de coloraçao pessoal1
Quando eu cheguei para fazer a minha coloração pessoal e comentei que era maquiadora a Andreza, que foi a consultora que fez a minha análise, já sabia que eu entendia das cores e sabia que eu já tinha o norte de quais cores me favorecem, mas como eu comentei, eu queria alguém especialista que batesse o martelo e principalmente eu queria expandir mais o meu leque de cores.

analise de coloraçao pessoal2

Então assim que eu sentei na cadeira da Andreza, a gente conversou, eu comentei com ela quais cores, tons e subtons eu sabia que me favoreciam e por isso, a gente já conseguiu eliminar algumas opções, porque sim, esse é um trabalho de eliminatória, eu diria, rs!

A partir dessa conversa ela já identificou as possíveis cartelas de cores e começou a análise. É uma hora te encarando, rs! Olhando cada detalhe. Com está análise batemos o martelo nas seguintes informações:

Meu contraste é alto, minha temperatura é fria, meu subtom é frio/neutro, a profundidade é escura e a intensidade das cores que me favorece é brilhante.

Eu vou colocar uma foto aqui abaixo para vocês entenderem um pouquinho melhor de como as cores refletem no nosso rosto. Nessa foto tem um lado que eu estou com cores que não me favorecem, e assim,  realça mais as minhas manchinhas e olheiras, e no outro lado, tem as cores que me favorecem.

analise de coloraçao pessoal4

Com isso, depois de observar bem, chegamos à conclusão que a minha cartela de cores é chamada de inverno brilhante, ou seja, eu fico muito bem com cores mais escuras que puxam para aquele tom frio. Pensa no inverno, quando a gente mentaliza a estação do inverno, quais cores vem na sua cabeça? São cores mais sóbrias, escuras e intensas, como por exemplo o azul marinho, preto… Por isso as cartelas são separadas por estações, pois cada estação do ano a gente remete a cores diferentes, por exemplo: o verão, quais cores vem na sua cabeça? A gente lembra do céu azul clarinho, da água cristalina, do sol brilhando naquele tom de amarelo, não é? Então por isso tem as cartelas: outono, inverno, verão e primavera e dentro dessas opções pode ter a versão brilhante, suave e por aí vai.

analise de coloração pessoal6

 

Uma paisagem de inverno pra vocês entenderem

O que mudou nos meus looks depois que eu fiz a coloração pessoal?

Olha, eu achei que não ia mudar muita coisa, até porque na minha cartela de cores tem a cor preta, que eu amo, basicamente meu guarda-roupa é composto por 80% de roupa preta. Eu sempre me senti muito bem com a roupa preta, porque eu podia brincar bastante com a maquiagem, me divertir com as cores na maquiagem, eu sempre focava na maquiagem.

 Mas depois da coloração eu passei a comprar um pouco mais de peças coloridas, eu ainda compro muita roupa preta, mas eu passei a olhar com outros olhos as outras cores, passei  a me visualizar utilizando aquela cor, não somente na maquiagem, mas sim no meu look.

analise de coloração pessoal 8

O mais engraçado disso tudo, é que, eu já ensinei como fazer harmonias com as cores, tem vídeo sobre esse tema aqui e no canal. Só que até então eu sempre levava essas harmonias e esses estudos das cores para maquiagem, que é o que eu amo, o que eu faço e é meu trabalho, então eu sempre foquei muito na maquiagem, e eu não me olhava com essas cores nas minhas roupas, porque o meu foco sempre foi maquiagem, mas depois da consultoria isso mudou. É como se a consultoria quebrasse as barreiras e assim eu consegui olhar muito além das makes nas minhas produções.

Ah, e um detalhe muito importante, eu passei a usar as cores ao meu favor, por exemplo: tem dias que eu não quero me maquiar, eu quero sair de cara limpa, então eu já vou lá e coloco uma peça de roupa com a cor que me valoriza, e é impressionante como aquele ar de cansado é amenizado. É como se eu colocasse uma maquiagem leve, mas é apenas a cor que reflete bem e me valoriza.

 Mas Nai você não pode usar as cores que não estão na sua cartela?

Isso não tem nada a ver, você usa a cor que você quiser. Se você ama roupa preta e a cor preta não está na sua cartela, não tem problema, mas você vai ter uma consciência maior sobre as cores que mais te favorecem. E caso queira usar uma cor em algum evento especial, você já vai ter um norte da cor e tonalidade que irá realçar ainda mais a sua beleza.

Eu fiz a minha análise de coloração pessoal com Andreza, ela atende aqui em Maringá e em São Paulo. Ela foi extremamente profissional e eu adorei o trabalho dela, e olha, isso daqui não é nenhuma publicidade, ela nem sabe que eu estou fazendo esse post, mas quando a gente gosta do trabalho, quando esse trabalho realmente faz diferença, eu acredito que vale bastante a pena ser compartilhado.

analise de coloração pessoal 7

 

Essa é a minha cartela de cores 🙂

E você aí do outro lado, sabe as cores que mais te favorecem? Já fez análise de coloração pessoal? Me conta tudo aqui nos comentários. Um grande beijo, Naiady Souza.

CORRETIVO LÍQUIDO TREZZ | Resenha

Quem aqui adora testar um produtinho? Eu amo! E se tem um produto que eu gosto de testar é base e corretivo. 

Tem um tempo que eu recebi uma caixa de produto da marca Trezz, comecei a testar os corretivos, e olha, eu testei por um bom tempo, tanto é que os corretivos estão quase acabando (rs), então tenho propriedade pra te contar sobre esse produto. HAHAHAHA

Se você prefere assistir a resenha é só dar o play no vídeo abaixo. 

A embalagem do corretivo é bem tradicional, tubinho de plástico redondo, com 4,5 ml de produto. A tampa é de rosquear com pincel aveludado acoplado. O pincel é bem prático e funcional, que é o que precisamos. 

Ah, importante ressaltar que a Trezz é uma marca brasileira e que não testa em animais.

corretivo-liquido-trezz-resenha

corretivo-liquido-trezz-resenha2

A textura do corretivo é bem fina e confortável, excelente para a região ao redor dos olhos. O acabamento eu digo que é semi-matte. O corretivo da Trezz, seca na pele, mas não completamente, ainda fica um glow bem bonito, ponto que eu gosto bastante. 

corretivo-liquido-trezz-resenha4

corretivo-liquido-trezz-resenha3

A cobertura é média, mas se aplicar mais de uma camada a cobertura aumenta mais e assim você consegue cobrir bem a região que deseja camuflar. Eu gosto bastante dessa cobertura, pois não pesa no rosto e fica bem confortável. 

corretivo-liquido-trezz-resenha5

corretivo-liquido-trezz-resenha1

A durabilidade do corretivo é muito boa e ele não estoura no flash. O cheiro é imperceptível! 

O valor do corretivo da Trezz é de R$ 25,00 valor maravilhoso, né não?

Eu achei o corretivo líquido da Trezz semelhante ao corretivo da Natura Una, que quem acompanha o blog, sabe que eu adoro. O lado ótimo é que esse é mais barato que o da Natura. HEHEHEHE

Bom, minhas amigas, essa foi a minha experiência com os corretivos da Trezz, eu adorei e com certeza é um produto que eu compraria (e vou) comprar novamente.

Já testou algum produto da marca? Usou esse corretivo? Me conte nos comentários, vou adorar saber! Obrigada por ler até aqui, um beijo e até o próximo conteúdo.

NANOBLADING, VOCÊ SABE O QUE É?

Recentemente fui convidada pela Camila (@cahbeauty___) para ser modelo da técnica nanoblading. O convite surgiu, pois eu não tinha nenhum procedimento nas sobrancelhas e sempre comentava das falhas que eu tinha no final e início das sobrancelhas.

Depois de estudar um pouco sobre procedimento, resolvi aceitar o convite e hoje eu vou te contar como funciona, o que é e o que eu achei. 

O QUE É NANOBLADING?

Você já deve ter ouvido falar sobre micropigmentação, procedimento que preenche as sobrancelhas, como se fosse uma tatuagem, a diferença é que na micro, a agulha não chega nas camadas mais profundas da pele como na tatuagem. 

A micropigmentação tem duração de um ano ou mais, tudo depende da forma que você cuida das sobrancelhas e se fez os retoques necessários. Aqui no blog eu já entrevistei uma esteticista, que na época, fazia o procedimento de micropigmentação, no vídeo ela conta mais sobre a micro, vou deixar anexado aqui abaixo caso queira conferir.

E porque eu estou falando da micropigmentação? É que a técnica nanoblading é uma, podemos dizer, outra versão da micro. O grande diferencial é que a nano não alcança as mesmas camadas da pele que a micro, na real é uma técnica superficial, tanto é que durante o procedimento você não vê uma gotinha de sangue, justamente porque a técnica é trabalhada apenas na primeira camada da pele. 

A durabilidade é menor, em média, a nanoblading dura uns 8 meses ou mais caso você faça os retoques. Isso é muito legal, pois a micropigmentação demorava muito pra sair e às vezes a pessoa queria mudar o formato das sobrancelhas ou já não gostava da tonalidade do pigmento, mas não tinha o que fazer, pois a micro não saia. Agora a gente sabe que dá para remover com laser a micropigmentação, mas é um trabalho e um gasto a mais para você. Por isso eu achei a nanoblading legal, pois ela vai sair com o tempo, não fico “presa” a esta técnica sabe?

COMO É FEITO O NANOBLADING?

A profissional usa um material chamado tebori. É uma espécie de “caneta”, mas na ponta o tebori possui várias agulhas, que serão usadas para fazer o desenho dos fios. É o mesmo tebori da micropigmentação que é mostrado no vídeo acima. 

Antes de começar o procedimento a profissional irá conversar com você perguntando os pontos que mais lhe incomodam nas sobrancelhas, pois o principal foco do nanoblading é preencher as falhas, então ele não precisa necessariamente ir por toda a extensão das sobrancelhas. Depois dessa conversa a profissional irá fazer o desenho da sobrancelha e irá começar o procedimento. 

nanoblading3

Não tem anestesia. Com o tebori ela vai desenhando os fios, imitando os fios das suas sobrancelhas. Esses “desenhos”, são pequenos cortes com pigmento, mas que não passam da primeira camada da pele. 

E aqui vem o ponto que preciso mencionar com vocês. O procedimento dói. Para mim, lembrou bastante a dor da tatuagem, às vezes não sentia nada, outras vezes doía demais, mas é uma dor que dá para aguentar.

nanoblading1

Esse equipamento na mão dela é o tebori

MEU RESULTADO

Como comentei, o foco do nanoblading é justamente preencher as falhas. No meu caso, os pontos que me incomodavam eram: o começo das minhas sobrancelhas que faltam pelos e o final que tinha uma falha bem grande. 

Então a profissional focou nessas áreas, preenchendo mais o início das sobrancelhas e arrumando as falhas do final, fazendo com que parecesse que minhas sobrancelhas estavam bem cheinhas e preenchidas.

nanoblading4

Procedimento realizado pela @cahbeauty___

CUIDADOS PÓS PROCEDIMENTO E CICATRIZAÇÃO

Depois de feito o nanoblading, a recomendação da profissional foi que eu não utilizasse maquiagem por pelo menos dois dias, lavar as sobrancelhas com algum sabonete neutro e aplicar a pomada Cicaplast por pelo menos sete dias.

O processo de cicatrização foi tranquilo, no primeiro dia ficou bem inchado e vermelho a região das sobrancelhas, e ardia um pouco também, mas depois eu nem lembrava que tinha feito, pois não senti mais nada, rs!

Ah, importante ressaltar que no primeiro dia as sobrancelhas ficam bem escuras, mas conforme o tempo vai passando, o pigmento vai clareando e as sobrancelhas ficam mais suaves.

Depois de 30 dias que você realizou o procedimento, você irá voltar na profissional e fazer alguns retoques, caso tenha ficado alguma falha ou queira mudar algo em algum ponto da sobrancelha isso será feito após 30 dias.

nanoblading

Limpando tudo

O QUE EU ACHEI?

No começo eu estranhei muito, porque eu me olhava no espelho e via as sobrancelhas bem preenchidas, achava estranho, até porque estava acostumada a sempre ver as falhas e ela mais clarinha, sem tanto pelo. Mas esse sentimento de estranheza durou por uns dois dias, depois fui me acostumando e gostando do que estava vendo. 

Eu tenho gostado muito da praticidade em ter as sobrancelhas bem cheias, tenho usado quase nada de maquiagem nessa região, acordo com as sobrancelhas bem certinhas do jeito que eu gosto e até na hora de me maquiar ficou mais fácil, rs! 

O ponto que me fez aceitar o convite foi o fato de sair com o tempo, pois sou uma pessoa que vive mudando de ideias, então meu receio era fazer e ter que ficar com o mesmo formato de sobrancelha para sempre, mas como comentei, daqui alguns meses o pigmento irá sair e eu tenho a opção de voltar a fazer ou não o procedimento. 

O ponto “negativo” é que dói para fazer, rs!

nanoblading5

Maquiada, porém a sobrancelha sem nada.

Eu não sei a média de valor, pois como comentei, fui convidada para ser modelo, mas vale a pena pesquisar e encontrar aquele valor que caiba no seu bolso.

Um ponto importante, sempre pesquise a profissional que irá executar o procedimento, pois é algo que precisa de delicadeza e conhecimento para ter um resultado natural e bonito, então faça pesquisas. 

Essa foi minha experiência com o nanoblading, daqui alguns meses, quando começar a sair eu volto aqui para atualizar como está o procedimento, combinado? Obrigada por ler até aqui, um super beijo. Naiady Souza.

CANETA DELINEADORA TATTO LINER KVD BEAUTY | Resenha

Caso prefira ouvir o conteúdo é só dar play!

Eu adoro caneta delineadora, acho prático e fácil de se utilizar. Fazia muito tempo que eu não me apegava a uma caneta delineadora, uma que me entregasse tudo que preciso para construir um belo delineado. 

Há alguns anos eu conhecia a caneta delineadora Tatto Liner da marca KVD, e sabe o mais louco? Eu conheci essa caneta delineadora depois de ler uma matéria em que a moça contava para a marca (a KVD), que ela sofreu um acidente de carro e mesmo depois de ser socorrida, fazer vários procedimentos no hospital, o delineado dela ficou intacto, sem borrar ou sair. Surreal né?

Depois de ler isso eu fiquei super curiosa pra saber se a caneta delineadora Tatto Liner da KVD realmente era tudo isso. Fui na Sephora e comprei, e desde então, se tornou a minha caneta delineadora preferida! 

caneta delineadora3

Ah, vale lembrar que a marca KVD é vegana, ou seja, não testa e nem usa nada de origem animal. Outro detalhe importante de se ressaltar, é que antes essa marca era conhecida como Kat Von D, mas depois da dona (a Kat Von D), se envolver em algumas polêmicas e ter alguns discursos de ódio, a marca foi vendida e se tornou apenas KVD Beauty. 

Vou deixar um vídeo da Karen Bachini aqui abaixo. Neste vídeo ela conta sobre a trajetória da marca, as polêmicas e tudo que aconteceu até a venda da marca. 

Eu já estou no meu segundo tubinho. Essa das fotos, foi a que comprei agora por último, a embalagem está toda diferente, pois foi uma coleção especial, mas normalmente a caneta é preta com alguns detalhes em prata. A tampinha veda super bem a pontinha da caneta. Ao todo temos 0.55 ml.

caneta delineadora2

caneta delineadora7

A pontinha da caneta é perfeita, não é de espuminha como normalmente vemos nesse tipo de produto. São várias cerdas fininhas, que formam a pontinha, eu particularmente amo esse tipo de ponta nas canetas de delineadoras. 

Por conta dessa pontinha a gente consegue fazer tanto um traço fino como um mais grossinho. Perfeito.

caneta delineadora5

A pigmentação da caneta também é maravilhosa, mega pigmentada, bem pretinha! Não tem o que discutir menina, é pretinha! O acabamento é levemente brilhante, mas o brilho é bem sutil.

caneta delineadora6

A durabilidade é pra lá de boa! O delineador depois de seco, não transfere, não mancha, fica perfeito nos olhos. Amo usar essa caneta em clientes que tem a “pálpebra gordinha”, assim eu tenho a plena certeza de que não irá marcar na parte superior dos olhos, pois depois que seca o delineador não sai.

Mas como nem tudo são flores, o preço da caneta não é dos melhores, a última vez que comprei eu paguei R$ 149,90. Pois é, o valor não tem nada de baratinho, mas para mim que amo maquiagem, trabalho com maquiagem acaba valendo a pena.

caneta delineadora1

Eu sou suspeita pra falar, pois realmente eu gosto dessa canetinha, é aquele produto, que mesmo sendo caro, eu não fico sem, acabou, eu dou um jeitinho de comprar novamente. Para quem sofre com delineador que transfere ou sai rápido essa pode ser uma boa opção.

Você já testou algum produto da KVD beauty? Se sim conta nos comentários o que achou! Obrigada por ler até aqui, um beijo com carinho Naiady Souza.

O QUE É LOW PRESSURE FITNESS (FPL), E O QUE ELE PODE FAZER POR VOCÊ?

Se preferir você pode escutar o conteúdo, dando play no áudio abaixo.

Cada dia que passa eu descubro o quanto o nosso corpo é mágico. Eu sei, parece óbvio, mas a gente não tem noção do quanto nosso corpo é forte e pode se adaptar, se moldar e fortalecer da forma que nos sentirmos mais confortável. Nosso corpo é surreal e nos faz vivenciar experiências incríveis.

Eu tenho tentado cuidar cada vez mais da minha saúde, já comentei sobre isso no post sobre – Mudança de hábito. Tenho feito escolhas que agregam e trazem saúde. 

Até brinco com algumas amigas, falo que estou deixando de comprar “brusinhas” para investir mais em mim, na minha saúde e qualidade de vida. Vou juntando um dinheiro aqui, outro ali e assim vou incluindo na minha rotina coisas que me fazem bem, me proporcionam saúde. 

Nessa busca de coisas que agregam, trazem saúde, eu conheci o LPF. Na verdade, eu conheci este método através da Érica Telini, que é uma profissional de educação física, especializada em LPF. 

Eu conheço a Érica já faz bastante tempo, fizemos aulas de dança lá em 2009/2010. Com o passar do tempo cada uma seguiu com sua vida, trilhou seu caminho e foi se especializando em outras áreas. 

Comecei a acompanhar o trabalho dela pelas redes sociais e fui me interessando e querendo saber mais sobre esse tal de LPF. Confesso que no começo, quando via os stories, não entendia muito bem o que “respirar” poderia fazer de diferente pela minha saúde, além é claro, de me manter viva. HAHAHAHAHA (A leiga master). 

Conforme ela ia explicando sobre nosso corpo, como respirar da forma correta, poderia nos ajudar em diferentes funções, mais eu ia querendo saber sobre. Entrei em contato com a Érica, me organizei, e no começo do segundo semestre eu iniciei as minhas aulas de LPF. 

E só posso lhe dizer uma coisa cara leitora, é surreal como, apenas respirar, pode nos conectar com nosso corpo e fazer com que sentimos cada partezinha dele. A cada aula eu sentia um novo músculo, uma nova sensação, descobri que a minha respiração é curta, descobri que respirava de uma forma que não era tão bacana para o meu corpo, tenho a respiração muito rápida e curta. Chega a ser bizarro de tão diferente e legal que é! (Bizarro no sentido de legal)

Por isso resolvi trazer essa entrevista para o blog, pois eu estou encantada com o LPF, e acredito que assim como eu, muitas pessoas não conhecem os benefícios do Low Pressure Fitness. 

Fiz algumas perguntas para Érica e ela respondeu e explicou muito bem tudo sobre o LPF.

Érica conta pra gente, o que é o LPF? Apenas respiração? Como surgiu?

Érica: O LPF surgiu na Espanha, através da Dra.Tamara Rial e Piti Pinsach que são os criadores do método. Eles se baseiam em técnicas hipopressivas, de yoga e rpg, então eles perceberam que poderiam juntar tudo isso e tornar o método mais atualizado.

O Lpf trabalha o corpo de uma forma geral, não é apenas a respiração, apesar da respiração ser a base de todo o método, o LPF é baseado em pautas posturais técnicas hipopressivas e assim conseguimos trabalhar o corpo de uma forma geral.

Na verdade, o LPF é uma técnica de treinamento miofascial, a fasce é um tecido que conecta todo o nosso corpo e o LPF consegue normalizar todas as tensões da nossa fasce, então ele é muito para o corpo todo, não só o abdômen. 

LPF proporciona algum benefício estético? E para a saúde?

Érica: Sim, na verdade todo benefício do LPF é pensando em saúde e como consequência tem o resultado estético. Porque o que acontece com o LPF? Ele vem normalizando todas as pressões que muitas vezes estão ali internamente no nosso abdômen, e que acaba deixando o abdômen estufado, uma postura muito tensa. Então, através de toda essa melhora, de dentro para fora, o LPF proporciona um resultado estéticos, que no caso, algumas mulheres conseguem reduzir até 12 cm de medida abdominal, mas o LPF é muito bom para hérnia discais, melhora da postura, trata a diástase, incontinência urinária, etc.

O LPF pode ser praticado por qualquer pessoa?

Érica: Sim, pode ser por qualquer pessoa, porém existem algumas restrições no LPF, por isso é muito importante fazer acompanhamento de preferência com um profissional licenciado para executar a técnica. Alguns exemplos de restrições são: gestação, hipertensão, pessoas que passaram por um câncer, por isso fazer sem acompanhamento não é recomendado.

lpf
Todas as fotos são do Instagram da Érica @ericatelini

Dá para fazer LPF apenas vendo vídeos na internet? Ou fazer sem a orientação de um profissional pode acabar prejudicando nosso corpo? 

Érica: Dá pra fazer? Dá! Mas não significa que você terá resultados com isso. Porque normalmente, o que vemos na internet são coisas muito superficiais, as posturas sendo ensinadas de forma superficial, focam muito no vácuo, sendo que o vácuo corresponde a 20% do método. A respiração que é um dos pontos principais, muitas vezes é ignorada pelos pessoal que ensina através da internet. Então pode acabar prejudicando sim a sua saúde e você pode acabar se frustrando, pois dificilmente você terá um resultado real, porque não vai estar atendendo o seu caso especificamente, no LPF cada postura trabalha uma coisa diferente, então você não vai ter essa orientação. 

Quanto tempo de aula você aconselha as pessoas a fazerem? 

Érica: Normalmente as pessoas iniciam fazendo uma aula por semana, com duração de até 40 minutos.Os alunos avançados já podem fazer duas vezes na semana com duração de até 1 hora, isso porque o corpo precisa ter esse descanso para absorver tudo o que foi trabalhado na aula. Muita gente questiona isso: “Aí mais, uma vez na semana não é pouco?”, e não é, justamente pela intensidade do treino é muito grande, as informações para o cérebro são muitas, então o seu corpo precisa desse tempo para absorver e gerar uma resposta positiva.

Lembrando que durante a semana a gente tem um treininho diário de até 10 minutinhos para que os estímulos se mantenha vivo no seu corpo, e o seu corpo não esqueça também o que foi trabalhado.

Existe alguma contra indicação? Em quais casos a pessoa não deve fazer LPF?

Érica: Não existe contra indicação, o que existe são algumas restrições dentro do método, um exemplo bem prático para você entender isso, é por exemplo mulheres gestantes, quando vão praticar o LPF, lembrando que o LPF é perfeito para essa fase gestacional, a mulher gestante não pode entrar em fase de apneia e nem sugar o abdômen, tem algumas posturas que não são indicadas para fase gestacional. Então não é que existe contra indicação, existem algumas restrições para alguns públicos específicos, por isso que fazer pela internet não vale a pena, é importante fazer com um profissional licenciado do método.

O LPF pode ser associado com algum esporte?

Érica: Super pode! Na verdade o LPF não substitui nenhuma modalidade, ele é um complemento para todas as modalidades, então o LPF quando é associado com qualquer atividade física, o desempenho na atividade física que você já faz, por exemplo, tende a melhorar muito, porque o LPF vai proporcionando uma funcionalidade, uma consciência corporal muito grande, então normalmente quando é associado os resultados são muito melhores.

Uma dúvida muito comum é, qual a diferença da abdominal para o LPF, já que ambos trabalham ali na região do abdômen?

Erica: Vamos lá, abdominal é um exercício muito tradicional, porém quando a gente pensa no abdominal reto, que é aquele flexionando o tronco, sabe? Esse movimento acaba trabalhando apenas uma musculatura, que é o reto abdominal, que é uma musculatura muito superficial, sem contar que naturalmente, quando a gente faz qualquer tipo de força com o abdômen, a gente acaba aumentando muita a pressão interna e isso acaba prejudicando a saúde íntima de algumas mulheres, dependendo de alguma disfunção. 

Outra diferença muito presente é que quando a gente faz um abdominal normalmente a gente faz uma força, uma contração voluntária, com o LPF a gente acaba fazendo uma contração involuntária de todos os músculos, a partir da junção do vácuo e das pontas posturais 

lpf3

Algum conselho pra quem vai iniciar as aulas de LPF?

Érica: Sempre busque um  profissional licenciado do método, um profissional que você confia, que tem as formações realmente do método, e se você busca realmente o LPF,  veja se a pessoa não tá te vendendo uma outra coisa né? Às vezes a pessoa tem formação em outras escolas e acaba falando que é do LPF, por isso que é muito importante você sempre pesquisar e ter confiança mesmo no profissional que você tá entregando aí o seu corpinho, rs! 

Tem mais alguma informação importante para ressaltar sobre o LPF?

Erica: Tem! Se eu pudesse eu faria todas as mulheres desse mundo praticar o LPF, pelos benefícios incríveis que ele pode proporcionar para nossa saúde íntima, para nossa saúde abdominal, para nossa saúde mental, então se você tiver oportunidade de conhecer o método, mulher, eu tenho certeza que você não vai se arrepender.


Depois dessas perguntas eu acredito que deu para apresentar bem o LPF para vocês. E olha, se você ficou interessada, dê mais uma pesquisada sobre, entre em contato com um profissional qualificado para ensinar o LPF. 

Se ficou alguma dúvida deixa aí nos comentários, ou você pode entrar em contato com a Érica através das redes sociais e assim, esclarecer todas as dúvidas.

Eu como aluna e pessoa totalmente iniciante neste universo, quero ressaltar que o LPF tem sido muito além de um momento de atividade, eu tenho aprendido mais sobre meu corpo e me conectado mais com ele, eu sei minha amiga, parece papo de gente muito good vibes, mas é real. Se concentrar em você, em cada movimento, faz com que nos conheçamos mais tanto físicamente como mentalmente. 

Espero que você tenha gostado de saber mais sobre o LPF. Obrigada por ler até aqui, um beijo com muito carinho, Naiady Souza.

me

Naiady Souza, paranaense, casada, formada em Marketing pela faculdade Estácio e formada em Maquiagem pela escola de estética Bel'Art. Fundou o blog Maquilagem em 2013 para compartilhar dicas de maquiagem com as amigas, com o tempo o blog foi conquistando mais seguidores e se tornou uma grande comunidade com dicas de beleza, resenhas, tutoriais e tudo o que envolve o universo feminino. Em 2021 o blog passou por um rebranding e passou a levar o nome da autora NAIADY SOUZA, pois a comunidade começou a pedir alguns assuntos além da maquiagem.

© 2018 - Todos Direitos Reservados

© 2018 - Todos Direitos Reservados